Piscinas Caninas

  • 15/06
  • Piscinas

Piscinas caninas

Evento de natação para cães foi realizado em Seattle, no estado de Washington (Foto: Jordan Stead/Seattlepi.com/AP)

 

As aulas de natação são as novas queridinhas dos cães. Sempre com o acompanhamento de especialistas, os exercícios feitos em piscina específica para animais são de baixo impacto, podendo ser realizados por aqueles com problemas na coluna ou tendência a desenvolver displasia coxo-femural.

Com atividades como buscar a bolinha no fundo da piscina e pegar palitos que flutuam, as aulas são divertidas e ajudam os cachorros a reduzir dores nas articulações, estresse dos músculos e até no tratamento de fraturas.

De acordo com artigo do veterinário Dr. Ricardo Tubaldini publicado no site Cachorro Gato, outro ponto positivo é que esse tipo de exercício ajuda os cães na respiração, resistência e circulação sanguínea, sendo ideal para aqueles que estão acima do peso, pois perdem, em menos tempo, mais calorias e gorduras do que se estivessem correndo ou caminhando.

Ainda de acordo com Tubaldini, é necessário tomar alguns cuidados importantes, como a utilização de coletes flutuantes nas primeiras das aulas, ensinar o cachorro a sair da piscina sozinho, certificar-se de que ele se sente confortável na água e sempre contar com a presença de um treinador ou veterinário especializado junto ao cão enquanto ele está na piscina. E, por fim, vale reforçar: cachorro só pode nadar em piscina de cachorro.

Fontes: site Cachorro Gato e site Meus Animais

Foto: Jordan Stead

2017 © Todos os direitos reservados.